Testemunho Márcio

         Deus tinha outros planos, e mudou meu coração.

 

          Eu sou Márcio, natural de São Bernardo do Campo, e vou contar um pouco da minha história. Meus pais eram alcóolatras, e com o tempo se separaram. Meu pai fez tratamento e obteve sucesso, ficando abstinente do álcool. Minha mãe, com a separação, continuou no alcoolismo, e o juiz determinou que ficássemos com nosso pai.

         Eu era o irmão mais velho, na época da separação dos meus pais eu tinha 10 anos, e era o responsável pelos irmãos mais novos.Meu pai, antes de sair para o trabalho, deixava uma marmita térmica pronta pra mim, e as mamadeiras prontS  para eu não mexer no fogão. Morávamos num local com alto risco de incêndios, e meu pai tinha esse cuidado. Com o passar do tempo, a população do local aumentando, e minhas irmãs crescendo, comecei a ficar sozinho em casa.

          Meu pai, mesmo abstinente, guardava bebidas em casa, para as visitas. Mas dos 10 aos 12 anos, eu comecei a mexer nessas bebidas, e consumi-las. Meu organismo ainda não acostumado, respondia com desmaios, mas eu não deixava vestígios, para que meu pai não percebesse.

         Com o passar do tempo, o consumo aumentou, não conseguia mais esconder, tive problemas com empregos, relacionamentos, estudos... tudo foi piorando. Comecei a discutir com meu pai, ao ponto de agressões. Me afundei muito e aos 17 anos, conheci a cocaína e me tornei dependente. Com 32 anos tive minha primeira convulsão, que se repetiram por mais 4 vezes até os 34 anos. Não conseguia mais sair para trabalhar, nem me alimentar, uma vez que o organismo estava totalmente dependente das drogas.

          Aos 34 anos comecei a desenvolver depressão, síndrome do pânico, bulimia, e suicídio. Um dia, próximo à minha casa, alcoolizado, encontrei uma pessoa que me ofereceu ajuda e eu aceitei. Ela pediu que eu ficasse 1 mês “limpo”, e eu em prantos, trancado em casa, consegui. Ela então me trouxe à Itatiba. Realizei uma entrevista no Desafio Jovem Itatiba, e antes do acolhimento, e devido ao meu histórico passei por avaliações, voltei a São Bernardo do Campo para ser atendido por especialistas médicos, realizei exames e fui acolhido em agosto de 2014.

          A partir deste momento, em 12/08/2014, começou uma nova história. Comecei a adquirir ferramentas que me eram proporcionadas, me engajei na comunidade, me tornei voluntário ajudador, juntamente com meu tratamento. Neste período retornei à São Bernardo, para visitar minha família e meu pai teve complicações médicas, tendo que ser socorrido em vários hospitais. Isto fez com que eu não conseguisse voltar para o Desafio Jovem e dar continuidade ao tratamento. Fiquei 3 meses sem trabalhar, indo ao hospital todos os dias, pedindo dinheiro emprestado, mas pedindo graça a Deus para me sustentar, uma vez que eu estava com dinheiro nas mãos e poderia gastá-lo de forma errada. Neste período, enviava relatórios e notícias ao Desafio Jovem Itatiba. Meu pai faleceu.

          Retornei ao Desafio Jovem, e retomei meu trabalho de voluntário, com o desejo de após o tratamento retornar à minha cidade. Mas Deus tinha outros planos, e mudou meu coração, colocando desejo de ajudar outros, como fui ajudado. Oportunidades de trabalho apareciam, mas eu queria ajudar e colaborar com o Desafio. Deus honrou seus Planos em minha vida, e algum tempo depois fui convidado a trabalhar no Desafio Jovem Itatiba. Realizei alguns cursos, e exerci a função de Conselheiro. Deus me proporcionou muita graça e momentos difíceis, me deu direção, forjou meu caráter, me colocou na Sua Vontade, e usou minha vida. Fiquei por volta de 3 anos no Desafio.

          Hoje ainda sou voluntário no Desafio Jovem Itatiba, tenho um trabalho, voltei aos estudos, e tenho me esforçado para aprender ainda mais nesta área da Dependência Química.

Agradeço muito a Deus, pois sem Ele não consigo caminhar! Agradeço às pessoas que me ajudaram, à Equipe do Desafio Jovem Itatiba, que foram usados por Deus para me ajudar a vencer minhas dificuldades. Hoje caminho de cara limpa, transparente e honesta.

 

Márcio Ferreira, 40 anos, Zelador,

Ex-acolhido Desafio Jovem Itatiba.

© 2020 by Desafio Jovem Itatiba. Proudly created with Wix.comTerms of Use  |   Privacy Policy